quarta-feira, 18 de julho de 2012

O Incêndio III


O fogo, a fumaça e o caos.
Queime, queime, queime.
Como já foi dito: “É engraçado como as coisas mudam sem avisar”
E mudam mesmo

A data é a mais bizarra.
O mais inoportuno momento.
Para que nos prendermos a laços temporais?
Sempre fui contra isso mesmo.

Queime, queime, queime.
Dilacere com o meu corpo.
Torne-me insano.
Torne-me ainda mais insano.

O meu olhar se foca no seu.
Seus belos olhos vermelhos.
O foco desfocado.
Já tá tudo queimado mesmo.

Eu estou indo, mas eu volto.
Quando a neve começar a cessar.
Quando as flores começarem a surgir.
Eu voltarei.

06/04/12

3 comentários:

  1. Eu gosto da primavera. ´De outono...

    Mas o inverno. Ahn, o inverno me assusta.

    ResponderExcluir
  2. Neve é legal. :P


    Larissa N.

    ResponderExcluir